Bolsa dos EUA fecha em baixa, Nasdaq tem queda de 0,33%

Nos Estados Unidos, o pregão de Nova York teve um dia bastante agitado. As perspectivas de que os americanos estejam no olho do furacão do Covid-19 fez com que o Wall Street recuasse, aumentando as incertezas quanto ao tempo que a pandemia ainda terá força sobre a população.

 

Bolsa dos EUA fecha com indicadores acima dos 7%

Nos Estados Unidos, os índices acionários fecharam a segunda-feira, 6, em forte alta. Os indicadores americanos refletiram o anúncio do governo, que indicou a queda nas hospitalizações de pacientes com coronavírus, além do número de mortes ter se mantido estável.

 

Variação da folha de pagamentos dos EUA cai em março

Nos Estados Unidos, o Payroll, indicador da folha de pagamentos apresentou perdas. Os setores privado e público norte-americanos tiveram geração de -701 mil postos de trabalho em março de 2020, segundo o relatório divulgado hoje pelo Departamento de Trabalho Norte-Americano. O dado veio abaixo da estimativa média do mercado, que apontava para um ganho de 100 mil ocupações.

(Redação – Investimentos e Notícias)

Wall Street fecha com ganhos, mesmo com dados preocupantes nos EUA

As ações dos Estados Unidos se encaminharam totalmente pressionadas nesta quinta-feira, 2. A bolsa de Nova York trabalhou durante toda a sessão puxada pelos dados desesperadores referentes ao seguro-desemprego no País. No entanto, uma possível trégua entre a guerra nos preços do petróleo entre a Arábia Saudita e a Rússia, além de um corte na produção de petróleo, colocou os investidores em um estado mais calmo, fazendo com que os indicadores americanos registrassem ganhos ao final do pregão.

Assinar este feed RSS