ANBIMA reduz para 5% estimativa da Selic em 2019

A ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) anunciou que o Grupo Consultivo Macroeconômico da instituição reduziu pela terceira vez consecutiva a projeção da taxa básica de juros no fim deste ano, para 5%. Em junho, a ANBIMA havia anunciado que a projeção era de 5,75% e em julho havia passado para 5,25%.

  • Publicado em Economia

RB Capital anuncia pagamento de juros em 13/09

A RB Capital anunciou que no dia 13 de Setembro de 2019, irá efetuar o Pagamento de Juros e Amortização dos CRI da 77ª Série da 1ª Emissão da RB Capital Companhia de Securitização, que alcançará, indistintamente, todos os CRI em circulação, de forma proporcional ao valor nominal unitário dos CRI.

Taxas de juros do cheque especial apresentaram queda

Pesquisa de taxa de juros do Núcleo de Inteligência e Pesquisas da Escola Paulista de Defesa do Consumidor do Procon-SP, vinculado à Secretaria da Justiça e Cidadania, aponta que as taxas de juros do cheque especial e do empréstimo pessoal apresentaram queda.
O levantamento, realizado em 2 de agosto, envolve os seguintes bancos: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Safra e Santander.

APAS crê que redução da Selic será benéfica aos supermercados no médio prazo

A Associação Paulista de Supermercados (APAS) avalia como acertada a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) em reduzir os juros básicos da economia, a taxa Selic, em 6% ao ano, após 16 meses do último corte. A decisão do Banco Central do Brasil sinaliza o comprometimento com o Ministério da Economia em sua política de medidas para a retomada da economia e geração de empregos.

FecomercioSP considera positiva redução da Selic para 6%

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) avalia como positiva a decisão do Banco Central (BC) em reduzir a taxa de juros de 6,5% para 6% e retomar o ciclo de queda da Selic – que havia sido interrompido em março de 2018.

Corte da Selic favorece redução de juros para financiamento e crédito com garantia imobiliária

O Banco Central (BC) acaba de reduzir a taxa Selic de 6,50% ao ano para 6% a.a., corte de 0,5 ponto percentual, atingindo nova mínima histórica. De acordo com a Credihome, plataforma online de soluções de crédito para compradores e proprietários de imóveis, a decisão do BC foi acertada e favorece a queda dos juros praticados no Brasil, beneficiando os consumidores que buscam por modalidades de crédito como financiamento imobiliário e crédito com garantia imobiliária.

Assinar este feed RSS